domingo, maio 20, 2018
Banner Top

Ministério do Meio Ambiente terá que apresentar, em 15 dias, um novo Projeto de Lei para que seja retirado as áreas dos municípios atingidos pela ampliação do Parque Nacional da Serra Catarinense, que foi realizada em dezembro de 2016. Por sua vez, se o pedido não ser cumprido neste dado período, o Fórum Parlamentar Catarinense dará entrada ao assunto diretamente pela Câmara dos Deputados.
Tudo isso aconteceu devido ao não cumprimento do proposto pelo ministro Sarney Filho, que assumiu compromisso de encaminhar esse projeto. Diante disso, e ao desligamento previsto para as próximas semanas de Sarney do governo Michel Temer, os parlamentares estipularam um prazo de 15 dias para que o ministério faça o encaminhamento. Lideranças dos municípios de Lauro Müller, Bom Jardim da Serra, Urubici e Grão Pará compareceram à reunião. Entre os parlamentares presentes, estava o coordenador do Fórum Parlamentar Catarinense, o deputado federal João Paulo Kleinubing, o senador da república, Dalírio Beber, além de outros parlamentares federais que integram o Fórum como Carmen Zanotto, Edinho Bez, Esperidião Amin, Ronaldo Benedet e Valdir Colatto, além do deputado estadual João Amin, presidente da Comissão de Comissão de Transportes e Desenvolvimento Urbano.
Do município de Lauro Müller, entre todas as lideranças que estiveram presentes e fizeram o uso da palavra, esteve o prefeito Valdir Fontanella e o presidente do Ecomuseu, Serra do Rio do Rastro, Cláudio Lottin, que por sua vez falaram em defesa do município. O encontro aconteceu na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis, e durou cerca de 1h30min.

Tags: , , ,

Notícias relacionadas

1 comentário

Deixe um comentário